Nº 1286 ano 2018
Data:

Geral Semana da Mulher


2ª Mulher Empreendedora teve histórias de sucesso como inspiração

Esta segunda edição trouxe o tema “Empreender é coisa de mulher” e reuniu mulheres que decidiram encarar de frente o desafio de abrir o próprio negócio.

Por: Divulgação
Atualizada em: 07/03/2018 14h27min
Foto: Divulgação
O evento aconteceu durante todo o dia 6 de março e fez parte das comemorações pelo Dia Internacional da Mulher

Realizado pela ACIARA Jovem – Associação Comercial e Industrial de Araguaína, em parceria com a Prefeitura Municipal de Araguaína e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE), o 2º Mulher Empreendedora trouxe o tema “Empreender é coisa de mulher” e reuniu mulheres que decidiram encarar de frente o desafio de abrir o próprio negócio. O evento aconteceu durante todo o dia 6 de março e fez parte das comemorações pelo Dia Internacional da Mulher.

Pela manhã, no Sebrae, o público feminino acompanhou a palestra “Como se tornar um empreendedor individual” que deu orientações sobre como abrir o próprio negócio.

“Empreender é desafiador, mas eu acredito que a mulher não pode se desmotivar em razão disso. São essas diferenças que trazem a personalidade dela para o produto, isso fará com que ela vença dentro do mercado”, enfatizou a vice-presidente da ACIARA Jovem, Etienne Acácio.

Feira do Trabalho

A Feira do Trabalho aconteceu durante todo o período da tarde, em frente à ACIARA. O espaço reuniu 20 empreendimentos e 30 mulheres que acreditaram na própria capacidade e tiraram as ideias do papel.

“Essa exposição serviu para valorizar o produto que elas produzem, um demonstrativo do potencial feminino que elas têm dentro do empreendedorismo em Araguaína”, explicou Jhenmerson Rodrigues, diretor de políticas públicas setoriais da Secretaria Municipal de Assistência Social, Trabalho e Habitação.

Com 10 anos de experiência à frente do Espetão da Edinalva, a proprietária viu que, além da oportunidade de negócios, a feira foi uma homenagem à mulher empreendedora.

“É uma maravilha para nós sermos lembradas não só como mulher dona de casa, mas como mulher empresária, e ainda ser homenageada com uma feira tão bonita”, disse Edinalva Alves.

Enise do Nascimento é dona do Açaí da Amanda e se sentiu honrada em poder participar. “É maravilhoso poder trabalhar e apresentar o meu produto para mais gente. As pessoas passam e encostam para conhecer, enche a gente de alegria”, enfatizou Enise.

Empreendedorismo Rosa

À noite, a palestra da professora Rafaela Kalil falou sobre o cenário nacional do empreendedorismo feminino, desafios e superação, conciliando vida e trabalho, como inovar o próprio negócio e se aperfeiçoar.

“As mulheres podem crescer mais quando unidas por meio do associativismo. É importante que elas se empoderem e tenham conhecimento sobre as suas possibilidades para serem bem-sucedidas”, destacou Rafaela.

Talk Show com experiências de sucesso

O desafio de empreender há muito deixou de ser uma tarefa realizada somente por homens e hoje é mais do que natural ver mulheres de fibra encarando o duro mercado e dando lições de superação e sucesso.

Gestoras de sucesso dividiram experiências de superação para um auditório lotado de mulheres que sonham em fazer a própria empresa crescer.

Tayany Pereira, da Doçuras Da Tay, teve um sonho e interpretou como um sinal. “Comecei a fazer dindim gourmet para vender na empresa que trabalhava, todo mundo gostou. Quando fui demitida, passei dois meses fora e, assim que voltei, descobri que a demanda estava enorme. Foi um boom, não imaginava que seria esse tremendo sucesso”.

Sébora Mourão se emocionou ao falar do porquê criou uma linha alimentícia sem glúten e leite. “Minhas meninas nasceram com alergia e é triste levar elas em uma festa porque vão passar vontade, querem comer um pedaço de bolo e não pode. Imaginei que muitas mães tinham o mesmo problema, assim nasceu a Cake Zero”.

Maria Carmelita, do Café Dom Lucas, homenageou o filho ao dar seu nome para o empreendimento. Ela comentou sobre os desafios de empreender. “Desde a minha primeira profissão, fui rodeada de desafios. Quando adquiri o meu próprio negócio, já me coloquei de pé e decidi que enfrentaria todos”.

Cinco histórias de vida, cinco histórias de superação

Durante toda a noite, as participantes do 2º Mulher Empreendedora foram convidadas a conhecer as histórias de vida de cinco mulheres que enfrentaram as adversidades na hora dos sonhos de empreender.

Maria Zilma Leite, Nazi Pereira, Raimunda Nonata, Vânia Ramos e Juliana Rocha se emocionaram quando se viram nos vídeos. Um júri formado por diretoras da ACIARA – Antônia Lopes Gonçalves, Eliete Lobo e Juliane Carneiro – escolheu as três melhores histórias de sucesso e as vencedoras ganharam prêmios (um estande na próxima feira de negócios da ACIARA; um jantar para duas pessoas no Restaurante Mirante; um peeling de diamante e uma massagem relaxante no Essence Estética). No final do evento, todas ganharam troféus confeccionadas pelas mulheres do programa Geração de Renda e cursos no Centro Universitário ITPAC sobre como gerir finanças de empresas.

Comentários

Deixe um comentário

Palmas - Tocantins