Nº 1315 ano 2019
Data:

Principal Do rio Tocantins


Após ponte interditada Estado disponibiliza travessia em voadeira

O serviço será ofertado para aqueles que optarem realizar a travessia do Rio Tocantins sem utilizar a ponte na TO-255.

Por: Divulgação
Publicada em: 15/02/2019 16h20min
Atualizada em: 18/02/2019 16h00min
Foto: Divulgação
O transporte será ofertado de forma gratuita por embarcações da Defesa Civil
O Governo do Tocantins começa a oferecer na tarde desta sexta-feira, 15, a travessia de pedestres, por meio de embarcações do tipo voadeira, na cidade de Porto Nacional. O serviço será ofertado para aqueles que optarem realizar a travessia do Rio Tocantins sem utilizar a ponte  na TO-255.
O transporte será ofertado de forma gratuita por embarcações da Defesa Civil.  “Todo o processo já foi finalizado com objetivo de garantir o tráfego das pessoas e a segurança dos passageiros durante a travessia”, explicou Virgílio Azevedo,  presidente da Agência de Transportes e Obras (Ageto).
De acordo com o gestor, o transporte  será realizada por  pilotos preparados e habilitados. “Os condutores possuem Carteira de Habilitação para embarcações, conhecida como Rais. Conseguimos disponibilizar duas voadeiras, equipadas com coletes salva-vidas e o serviço irá funcionar durante todo o dia”, explicou Virgílio Azevedo.
A ponte continua aberta para pedestres, ciclistas, motociclistas e veículos de urgência e emergência. Técnicos atuam na realização da inspeção da estrutura. Os dados coletados embasará o relatório sobre  as condições da via.
A Ageto também trabalha na instalação das rampas para possibilitar o atracamento das balsas que devem realizar a travessia de veículos. O atracadouro oeste, do lado de Porto Nacional, já está pronto, e as obras estão concentradas no lado leste, em Pinheirópolis. A expectativa é de que o serviço comece a ser oferecido em 15 dias.

Comentários

Deixe um comentário