Clique aqui e leia a versão digital
Nº 1271 ano 2018
Data:

Principal Prevenção


Blitz educativa pré-carnaval alerta palmenses aos cuidados neste período

A ação foi realizada na Avenida LO-05 entre as quadras Arso 22 e 32, para que os condutores e passageiros fossem conscientizados quanto aos males causados pela mistura de álcool e direção e pelo não uso de preservativos

Por: Divulgação
Atualizada em 08/02/2018 17h:40min
Foto: Divulgação
Os condutores que passaram pelo local recebram kits com preservativos masculinos e femininos

Carros e motos, um a um, foram parados numa blitz diferente realizada na manhã desta quinta-feira, 8, na Avenida LO-05 entre as quadras Arso 22 e 32, para que os condutores e passageiros fossem conscientizados quanto aos males causados pela mistura de álcool e direção e pelo não uso de preservativos. A iniciativa da blitz foi do Centro de Saúde da Comunidade Professora Isabel Auler (Arso 23) e contou com a parceria do Grupo Condutor de Doenças Infecto-contagiosas da Secretaria Municipal de Saúde, da Polícia Militar e da Secretaria Municipal de Segurança e Mobilidade Urbana, por meio da Guarda Metropolitana e dos agentes de trânsito.

“A nossa função, além de tratar doenças, é promover saúde, daí vimos a necessidade de realizar essa ação, de conscientização da população e acionamos os parceiros”, frisou a coordenadora do CSC, a médica Lílian Vilela.

A enfermeira Carla Cristiana de Oliveira complementou que, apesar de Palmas ter um evento diferente no feriado de Carnaval, o Palmas Capital da Fé, é importante se lembrar daqueles que curtem a folia e que vão viajar nesse período. “Queremos sensibilizar e conscientizar a população para curtir a folia com cuidado no trânsito. Se beber não dirija, se dirigir não beba e use preservativo, porque está grande a estatística em Palmas quanto às Infecções Sexualmente Transmissíveis entre as pessoas jovens. Isso é preocupante, é um caso de saúde pública. Então a preocupação é que as pessoas usem o preservativo e se proteja para curtir a folia com alegria e mais segurança”, ressaltou.

A ação contou com a participação de médicos, enfermeiros, agentes de saúde e técnicos de enfermagem do CSC e do Grupo Condutor, estudantes do curso de Medicina do Instituto Tocantinense Presidente Antônio Carlos (ITPAC), além de policiais, guardas metropolitanos e agentes de trânsito.

Comentários

Deixe um comentário

Palmas - Tocantins