Nº 1299 ano 2018
Data:

Principal Até 31 de dezembro


Mauro Carlesse toma posse como governador do Tocantins em mandato tampão

Wanderley Barbosa confirma sua vice-governadoria do estado, deixando o cargo de deputado estadual.

Por: Redação
Publicada em: 09/07/2018 15h25min
Atualizada em: 10/07/2018 15h53min
Foto: Tharson Lopes
Mauro Carlesse deve governar o estado por pouco mais de cinco meses

Mauro Carlesse (PHS) agora é oficialmente governador do Tocantins. Na manhã desta segunda-feira, o candidato eleito com 75% dos votos válidos para o mandato tampão, foi diplomado no Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins. As diplomações de Carlesse e seu vice Wanderley Barbosa (PHS), foram assinadas pelo Presidente do TRE, o desembargador Marco Villas Boas.

Wanderley Barbosa confirma sua vice-governadoria do estado, deixando o cargo de deputado estadual e quem assume o seu lugar é o suplente Stalin Bucar do PR, já quem ocupa a vaga de Mauro Carlesse é a Solange Dualibi.

A deputada Luana Ribeiro assumiu a presidência da Assembleia Legislativa, sendo a primeira mulher a assumir este cargo no Tocantins e já na assembleia, presidiu a cerimônia de posse do governador e do vice governador do estado.

"Esse é um governo do povo. Vamos trabalhar juntos para fazer um Estado diferente. Nós, de todos os poderes, temos uma responsabilidade muito grande com o Tocantins e com o nosso povo", disse o governador Mauro Carlesse, na sessão especial de posse na Assembleia Legislativa do Tocantins.

 

 

Os primeiros atos na sessão foram as renúncias dos, até então, deputados estaduais, Mauro Carlesse e Wanderlei Barbosa; que, em seguida, fizeram o juramento e tomaram posse nos cargos de governador e vice-governador, para o mandato tampão que vai até 31 de dezembro de 2018. Já com a faixa de governador do Tocantins, Mauro Carlesse concedeu entrevista e adiantou os rumos iniciais do governo nos próximos meses. “Não haverá demissão de servidores, mas estamos estudando uma redução de despesas do governo para, desta forma, podermos continuar as ações já iniciadas, porque o Estado não pode parar”, disse o governador. 

 

 

O vice-governador Wanderlei Barbosa falou da responsabilidade de administrar o Estado e da necessidade de apoiar o setor produtivo para que o Tocantins retome os rumos do crescimento. “Vamos trabalhar humildemente para devolver ao povo a confiança no Governo. Eu estarei lado a lado com o governador no enfrentamento das dificuldades e na tarefa que é garantir a normalidade no Tocantins”, garantiu o vice-governador.

Mauro Carlesse deve governar o estado por pouco mais de cinco meses, até o dia 31 de dezembro e depois, assume o candidato eleito nas eleições ordinárias de outubro.

Perfil

 

Mauro Carlesse nasceu em Terra Boa (PR) e, no Tocantins, atuou como empresário e agropecuarista. Ele iniciou na política ao se filiar no Partido Verde (PV) em 2011. Foi candidato a prefeito em Gurupi nas eleições de 2012. No ano seguinte, filiou-se ao Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) e venceu as eleições de 2014 para deputado estadual. 

Foi eleito, em julho de 2016, presidente da Assembleia Legislativa e assumiu o cargo para o biênio 2017/2019. O deputado assumiu o Governo do Tocantins após a cassação de Marcelo Miranda e Claudia Lelis. Ao se candidatar para o mandato tampão, que vai até o dia 31 de dezembro, foi eleito com 75,14% dos votos válidos e vai permanecer no cargo até 31 de dezembro deste ano.

 

 

Comentários

Deixe um comentário

Palmas - Tocantins