Nº 1295 ano 2018
Data:

Estado Rodovias


Ministro assina autorização das obras

Com a autorização assinada, o Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (DNIT) dará início ao processo licitatório das obras de pavimentação.

Por: Divulgação
Publicada em: 14/05/2018 14h38min
Foto: Divulgação
DNIT pode dar início ao processo licitatório

O presidente da Associação Tocantinense de Municípios (ATM), prefeito de Pedro Afonso, acompanhado de prefeitos dos Municípios tocantinenses que serão diretamente beneficiados com a construção das BRs 010 e 235, se reuniu na quinta-feira, 10, no auditório da Prefeitura de Pedro Afonso, com o Ministro dos Transportes, Portos e Aviação Civil, Valter Casemiro, durante solenidade de assinatura da autorização para a contratação de obras de pavimentação dessas rodovias federais em solo tocantinense.

Com a autorização assinada, o Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (DNIT) dará início ao processo licitatório das obras de pavimentação. No trecho da BR 010, entre os municípios de Aparecida do Rio Negro e Santa Maria do Tocantins, serão pavimentados 168,7 km de estradas, bem como a construção de ponte sobre o Rio Perdido, na divisa do Tocantins com o estado de Goiás. Além disso, serão pavimentados 69 km de estradas pertencentes a BR 235, entre a divisa Maranhão/Tocantins e as proximidades do município de Centenário.

Segundo presidente da ATM, as obras corresponderão a uma demanda histórica da região. “Não somente Pedro Afonso, mas outros dez municípios tocantinenses serão diretamente beneficiados com as obras aqui contratadas. Trata-se de uma oportunidade única de progresso econômico e social de uma região que se encontra presente dentro de um grande pólo agrícola do país. As obras trarão certamente uma dinâmica de desenvolvimento para a região, com mais escoamento e mobilidade”, afirmou Mariano, que falou em nome dos Municípios diretamente beneficiados.

Operacional
O Ministro dos Transportes elencou os próximos passos a serem dados para que as obras sejam iniciadas. “Esse ato autorizou a nossa superintendência no Tocantins para fazer o processo licitatório de inicio das obras. O projeto já está pronto, e vamos colocar o edital na praça. Posteriormente, receberemos as propostas e assinaremos os contratos”, disse o ministro, que projeto o prazo de dois meses para a assinatura da ordem de serviço.

Comentários

Deixe um comentário

Palmas - Tocantins