Clique aqui e leia a versão digital
Nº 1267 ano 2017
Data:

Geral Divulgação


Parque dos Povos Indígenas pode gerar talentos, dizem estrelas do esporte

Na visão do campeão mundial de slackline Pedro Rafael Marques, o fomento à prática desse esporte em Palmas irá contribuir para a disseminação da modalidade, bem como dos conceitos de equilíbrio entre mente, corpo e ainda da adoção de uma vida saudável defendidos pelos praticantes.

Por: Divulgação
10/08/2017 9h:51min Atualizada em 30/08/2017 19h:15min
Foto: Divulgação
O primeiro dia de funcionamento contou com a presença de lideranças indígenas e de nomes consagrados do mundo do esporte, como o hexacampeão de skate vertical Sandro Dias (Mineirinho).

Atletas amadores e profissionais das mais diversas modalidades compareceram em peso para a inauguração da pista de skate do Parque dos Povos Indígenas, nesta terça-feira, 9, em Palmas. Dentre eles, skatistas de várias idades que estavam presentes para a tão aguardada participação de Sandro Dias, o Mineirinho, que foi ovacionado pelo público. “Foi uma iniciativa muito bacana por parte da Prefeitura. Muitas crianças e jovens terão aqui a chance de aprender mais sobre o skate, que hoje é o segundo esporte mais praticado no país”, disse Mineirinho.

O estudante Victor Hugo Bueno Carreira, de 19 anos, recebeu com muita alegria a notícia da construção da pista de skate e destacou que o local é um espaço democrático que reunirá os adeptos ao esporte. “Outro ponto positivo e que influenciará a minha opção pelo Parque dos Povos Indígenas é a proximidade com a minha casa. Acredito que espaços dispostos em vários pontos da cidade facilitam o acesso à prática esportiva”, defendeu o estudante.

Agente transformador

Na visão do campeão mundial de slackline Pedro Rafael Marques, o fomento à prática desse esporte em Palmas irá contribuir para a disseminação da modalidade, bem como dos conceitos de equilíbrio entre mente, corpo e ainda da adoção de uma vida saudável defendidos pelos praticantes. “Acredito que daqui sairão grandes atletas, bem como de que futuramente Palmas possa sediar grandes competições”, destacou.

De origem humilde, vindo da periferia de Fortaleza (CE), o atleta reconhece a responsabilidade que tem em ser um exemplo na vida de outros jovens e defende que é possível a mudança social por meio do esporte.

Quem também acredita que o esporte é um agente transformador da sociedade é o prefeito de Palmas Carlos Amastha. “Estamos fazendo uma coisa maravilhosa para Palmas. Queremos incentivar ainda mais a prática esportiva, pensando também nos jovens para que tenham opção de escolhas certas na vida”, defende Amastha.

Praticante de slackline há 4 anos, a estudante Giovana Shogun, aprovou o campo de slackline e enfatizou que isso é um ganho para todos que praticam esse esporte. “Não tínhamos um local adequado e nos revezamos em alguns pontos da cidade. Agora com uma área própria, inclusive que conta com areia para amortecer os possíveis tombos durante os treinos, podemos praticar com mais segurança”, comemora a estudante.

O evento mobilizou também visitantes de outras cidades, como os amigos Josimar Silva e Willamy Lavor, que saíram de Porto Nacional para patinarem na pista do Parque. “A pista foi aprovada e esperamos voltar a Palmas mais vezes para treinarmos, já que a maioria dos lugares não dispõe de espaços adequados para patinação. Estamos satisfeitos e aprovamos a iniciativa”, celebrou Silva.

Estrutura inovadora

Com a inauguração do Parque dos Povos Indígenas, Palmas conta agora com amplo espaço voltado para a prática de esportes não tão tradicionais no Tocantins, mas que a cada dia vem ganhando mais adeptos, principalmente na Capital, como o slackline, skate, futevôlei, badminton (peteca) e beach tênis (tênis na areia).

Os amantes do esporte podem utilizar diariamente a estrutura disponível: quadras de areia para vôlei, futevôlei e beach tênis,com arquibancada; quadra exclusiva para a prática do badminton; campo de slackline; playground; academias ao ar livre, além de pista de caminhada e ciclovia.

O primeiro dia de funcionamento contou com a presença de lideranças indígenas e de nomes consagrados do mundo do esporte, como o hexacampeão de skate vertical Sandro Dias (Mineirinho); do campeão mundial de slackline Pedro Rafael Marques, do campeão mundial indígena de arco e flecha, Luiz Pereira Kurikalá Karajá, além de Harley Marques e Averaldo Pereira, consagrados atletas do vôlei de praia.

Comentários

Deixe um comentário

Palmas - Tocantins