Nº 1286 ano 2018
Data:

Principal Em Brasília


Professores do TO participam do Programa Missão Pedagógica

Em sua 8ª edição, o programa da Câmara dos Deputados aborda sobre temáticas relacionadas à educação para a democracia nas escolas, com foco no papel da Câmara e nas funções do Parlamento.

Por: Divulgação
Atualizada em: 06/06/2018 16h25min
Foto: Divulgação
O projeto visa contribuir para a valorização da escola como um espaço em que a comunidade possa vivenciar, conhecer e aprender direitos e deveres do Legislativo

Educadores tocantinenses participam, em Brasília (DF), da etapa presencial do Programa Missão Pedagógica no Parlamento. A ação, que ocorre na Câmara dos Deputados, iniciou na segunda-feira, 4, e termina na sexta-feira, 8.  Em sua 8ª edição, o programa da Câmara dos Deputados aborda sobre temáticas relacionadas à educação para a democracia nas escolas, com foco no papel da Câmara e nas funções do Parlamento. O projeto visa contribuir para a valorização da escola como um espaço em que a comunidade possa vivenciar, conhecer e aprender direitos e deveres do Legislativo.

Foram selecionados 54 profissionais de escolas públicas que ofertam os ensinos fundamental e médio, com base no desempenho obtido nas formações a distância. Destes, representam o Tocantins o professor Marcos Junio Graciano de Souza, da Escola Estadual Girassol de Tempo Integral Presidente Costa e Silva, de Gurupi; Patrícia de Carvalho Chagas, do  Centro Municipal de Educação Infantil Cristino Régenes Cardoso, de Barrolândia; e de Palmas, Wanessa Ribeiro da Silva, da Escola Estadual Setor Sul,  extensão Unidade Prisional Feminina (UPF).

De acordo com Wanessa Silva, a democracia é a melhor forma de governo, no entanto, é necessário o seu aperfeiçoamento. “Estamos vivendo uma crise de representatividade, por isso, devemos mostrar, às pessoas, a importância do voto, assim como conhecer os nossos representantes, suas ideias e fazermos uma análise. É preciso ainda acompanhar e fiscalizar as ações do parlamento”, disse.

A educadora da Escola Estadual Setor Sul frisou que o curso agregou conhecimento em sua formação por meio da desconstrução de conceitos. “O ouvir o outro, mesmo com suas divergências de opiniões e atitudes, é fundamental para o aprimoramento da democracia. Gostei muito de conhecer o parlamento e o seu funcionamento. Aprovação ou veto de um projeto”, concluiu.

Os professores tocantinenses que estão em Brasília receberão certificados com carga horária de 120 horas pelo Centro de Formação, Treinamento e Aperfeiçoamento da Câmara dos Deputados (Cefor). Os demais educadores que participaram das atividades na modalidade de Educação a Distância (EAD) serão certificados com 30 horas.

A coordenadora estadual do programa, Vaneide Labres, explicou que 25 docentes do Estado realizaram sua inscrição. “O Tocantins contou, em 2018, com um número expressivo de participantes, o maior número de matriculados na Região Norte”, disse a gestora. Vaneide Labres destacou ainda que, no País, mais de 430 profissionais realizaram o curso na modalidade EAD, sendo selecionados os 54 com melhor desempenho.

 

Programa Missão Pedagógica no Parlamento

 

Para participar da formação presencial do Programa Missão Pedagógica no Parlamento, os educadores passaram por um processo seletivo e participaram do curso Educação para a Democracia e o Parlamento realizado na modalidade a distância, com carga horária de 30 horas.

No módulo a distância, os educadores desenvolvem e aplicam, em suas escolas, projetos de educação para a democracia, tendo o Poder Legislativo como foco de interesse e são acompanhados pelos tutores do Cefor.

Para participar, é preciso que o interessado esteja trabalhando como professor regente, coordenador ou orientador pedagógico dos ensinos fundamental e/ou médio em escola pública. Deve, ainda, apresentar o Termo de Ciência e Recomendação da escola e não ter participado de nenhuma edição anterior do Missão Pedagógica no Parlamento.

O Programa Missão Pedagógica no Parlamento é dividido em dois módulos: uma formação presencial realizada em Brasília e outra na modalidade de educação a distância.

A fase presencial aborda conteúdos e metodologias sobre educação para a democracia nas escolas e temas relativos ao Parlamento de forma contextualizada e reflexiva. A Câmara dos Deputados custeia passagem aérea, hospedagem, translado e alimentação para os participantes.

Comentários

Deixe um comentário

Palmas - Tocantins